Cultura organizacional Dicas de organização Gestão da Empresa Gestão de RH Limpeza Comercial e Residêncial

Tipos de cultura organizacional: qual se a aplica a sua empresa?

A grande maioria dos gestores já ouviu falar em cultura organizacional e talvez já tenham até aplicado alguns conceitos em sua empresa. Contudo nem todos conhecem a fundo a sua importância e os benefícios de construir uma cultura organizacional sólida.

Nem todos os gerentes também conhecem os tipos de cultura organizacional amplamente classificados pelos estudiosos do tema, o que dificulta um pouco mais a clareza sobre este assunto e a aplicação no dia a dia nos empreendimentos para a qual trabalham.

10 Dicas de limpeza e organização no escritório. Confira!

Para ajudá-lo a entender melhor o que é cultura organizacional e descobrir qual é o tipo de cultura que sua empresa vem desenvolvendo, criamos este artigo. Se você tem interesse no tema, continue a leitura!

O que é cultura organizacional?

Cultura organizacional nada mais é do que o conjunto de diretrizes e condutas estabelecidas na construção do planejamento estratégico de uma empresa.

Esse conceito engloba uma série de itens como: missão, visão, valores, normas de conduta, código de ética empresarial e tudo mais que deve ser respeitado pelos colaboradores com o fim de padronizar a identidade da empresa em todos os processos.

A cultura organizacional é de extrema importância para todos os setores, visto que é por meio dela que os perfis profissionais mais adequados à companhia são escolhidos e também é ela que vai reger a maneira de lidar com clientes, fornecedores e demais stakeholders.

Como montar um roteiro de limpeza em imóveis corporativos? Confira!

Uma cultura organizacional bem definida é um passo importante para o sucesso da empresa, pois mantém os funcionários alinhados e preparados para lidar com qualquer tipo de situação de maneira homogênea, o que reduz os riscos de uma crise corporativa, por exemplo.

Quais são os tipos de cultura organizacional?

De acordo com os estudos do escritor e filósofo especializado em comportamento organizacional Charles Handy, existem quatro tipos de cultura organizacional, que se diferenciam em diversos aspectos. Confira abaixo quais são eles!

Cultura do poder

Empresas que são regidas pela cultura do poder são aquelas que concentram a liderança em uma única pessoa, que comumente é o dono ou o gerente da organização.

Neste tipo de cultura corporativa, os colaboradores são totalmente orientados a conquistar resultados, o que pode acabar gerando um clima de competição, que nem sempre é saudável para a companhia.

A cultura do poder é bastante comum em empresas pequenas e, devido à grande possibilidade de conflitos internos, decorrente do poder centralizado, elas podem ter seu crescimento limitado, principalmente por não permitirem o crescimento e desenvolvimento de habilidades de seu capital humano.

Quais são os KPIs do Facility Manager? Confira!

Cultura de papéis

Na cultura de papéis, o foco fica nas funções desempenhadas por cada um dos colaboradores.

Ou seja, os níveis hierárquicos são bem estabelecidos, porém, por este mesmo motivo, há uma falta de flexibilidade na execução das tarefas, já que cada funcionário só realiza o que está determinado a ele.

Os procedimentos são bem definidos e podem ser até engessados, não dando muito espaço para novas ideias e melhorias dos processos. Isso pode trazer uma certa lentidão na realização dos trabalhos.

Este tipo de cultura resulta em profissionais mais acomodados, que não se preocupam com seu crescimento dentro da organização.

Como melhorar a eficiência operacional da empresa? confira!

Outra característica da cultura de papéis é a falta de interação e comunicaçãoentre os profissionais e setores, o que pode dificultar a solução de problemas e criação de novas ideias.

Cultura organizacional

Cultura de tarefas

As companhias que trabalham com a cultura de tarefas se destacam, pois contam com profissionais específicos para realizar determinados tipos de tarefas e isso agrega bastante conhecimento à organização.

Neste tipo de cultura, o foco dos colaboradores está na solução dos problemas, admitindo pessoas preparadas para lidar com os mais diversos tipos de situação, que não gostam de mesmice e previsibilidade.

Os profissionais e a empresa são bastante flexíveis e o ritmo da rotina de trabalho é ditada pelos acontecimentos.

A cultura de tarefas costuma influenciar de maneira positiva no clima organizacional da empresa, já que valoriza e dá liberdade para que seus colaboradores deem ideias e proponham soluções — isso têm o grande poder de mantê-los motivados.

5 motivos para terceirizar o serviço de limpeza na empresa! Confira!

Cultura de pessoas

A cultura de pessoas, como o próprio nome sugere, é focada nas pessoas que fazem parte da organização. Ou seja, as empresas que adotam este tipo de cultura valorizam muito o trabalho de seus funcionários, a integração da equipe e o crescimento profissional de cada um dos seus talentos.

Nesse tipo de companhia, o colaborador é colocado em primeiro lugar, tendo espaço para dar ideias e pontos de vista que serão levados em consideração.

Além disso, fatores como plano de carreira e retenção de talentos são muito bem trabalhados pelos gestores, que buscam a formação de líderes que possam continuar com o seu legado, garantindo o crescimento das pessoas junto com o crescimento da empresa.

Mesmo que seja muito bom para o colaborador, esse tipo de cultura empresarial, às vezes, peca por focar muito em seus talentos e deixar de prestar atenção em outros fatores importantes: como o relacionamento com os parceiros, cuidados com a infraestrutura, dentre outros. Por isso, é necessário ficar atento para não perder o equilíbrio!

Cultura empresarial

Como identificar qual é o tipo de cultura organizacional da sua empresa?

De acordo com os tipos de cultura organizacional que listamos acima, fica fácil identificar em qual sua empresa se encontra atualmente. Pode ser que haja uma mistura de mais de um tipo de cultura, mas o mais importante, após identificá-las, é avaliar se elas realmente estão de acordo com os objetivos da sua companhia.

Alguns tipos de culturas corporativas acabam sendo prejudiciais por não incentivarem o trabalho em equipe, a criatividade e inovação, o desenvolvimento da carreira do colaborador, a melhoria dos processos e até o relacionamento com o consumidor, dentre outros inúmeros pontos.

Por isso, o planejamento estratégico é fundamental para definir os caminhos a serem seguidos, incluindo o tipo de cultura empresarial a ser adotado, caso o atual não esteja suprindo as necessidades da corporação.

Você precisa contratar os serviços de facilities para a sua empresa?

Entre em contato com a eQ! e um dos técnicos  irá lhe atender!

orçamento-de-site-no-ipiranga-1

 

Fonte: Convenia.com

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s